RESULTADOS FAIR – FAIR

Fighting Against Inmates’ Radicalisation

763538 - FAIR - JUST-AG-2016/JUST-AG-2016-03 PROJECT NUMBER: 763538

  • Prevenir a radicalização violenta de reclusos.
  • Promover a desradicalização.
  • Facilitar a reintegração na sociedade.

RESULTADOS FAIR

  • O projecto FAIR assenta na COLECÇÃO DE BOAS PRÁTICAS (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI) na Europa, no que diz respeito a medidas de prevenção da radicalização islâmica nas prisões, e no relatório de INDICADORES DE RISCO (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI) para detetar reclusos radicalizados e em risco de radicalização. O relatório detalhará elementos, atitudes e comportamentos úteis para a sinalização de reclusos em risco.
  • As necessidades dos operacionais prisionais, para prevenir e/ou lidar com a radicalização, estarão resumidas no RELATÓRIO DE ANÁLISE DAS NECESSIDADES DOS OPERACIONAIS (EN).
  • As GUIDELINES CONJUNTAS (EN) fornecem orientações que os operacionais prisionais possam seguir, enquanto se detetam e mapeiam as necessidades específicas daqueles que trabalham com reclusos em risco de radicalização.
  • O PROGRAMA DE PREVENÇÃO E REABILITAÇÃO (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI) permite que os operacionais prisionais previnam a radicalização dos reclusos, assiste na desradicalização e apoia a transição gradual até à sua libertação.
  • Materiais de apoio relevantes, recolhidos durante a preparação dos documentos acima mencionados, estão disponíveis na PLATAFORMA WEB FAIR em 10 idiomas.
  • Mesas redondas com os stakeholders e decisores serão disponibilizadas em todos os países parceiros, para ilustrar situações e necessidades específicas em cada contexto nacional. Estas serão resumidas num RELATÓRIO CONJUNTO DE DISCUSSÕES DE GRUPO (EN).
  • 170 operacionais prisionais de 9 países estão incluídos no PROGRAMA DE TREINO PARA OPERACIONAIS PRISIONAIS (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI), para capacitação no que concerne a deteção dos fatores de radicalização em prisões e a melhoria do seu conhecimento e competências.
  • O SERVIÇO DE CONSULTA ONLINE em todos os idiomas dos parceiros, permite clarificação e orientação para os operacionais recentemente treinados.
  • O processo é avaliado através da GRELHA DE AVALIAÇÃO (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI) e os resultados são resumidos no RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO PROGRAMA PARA OPERACIONAIS PRISIONAIS (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI).
  • O ESTUDO DE VIABILIDADE PARA O CENTRO DE DETENÇÃO ALTERNATIVA (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI) é implementado para investigar os benefícios decorrentes da criação de um centro para acolher ofensores radicalizados e reclusos em risco de radicalização, depois da sua libertação. O centro acompanhá-los-á num programa de desradicalização e re-inclusão na sociedade.
  • 12 PROTOCOLOS NACIONAIS (EN, HU, IT, LT, MT, PT) com instituições chave para a criação do centro de detenção alternativa serão estabelecidos nos países participantes.
  • O RELATÓRIO DE AVALIAÇÃO DO PROGRAMA PILOTO DE PREVENÇÃO E REABILITAÇÃO (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI), construído utilizando uma metodologia conjunta, sistematiza os resultados do programa.
  • O Projecto FAIR alcança 10.000 cidadãos, 170 operacionais prisionais e 162 stakeholders, através do website do projeto, dos perfis de FB e de Linkedin. Estrutura-se a partir de um PACOTE DE VISIBILIDADE comum, com o logótipo e layout visual do projeto. PANFLETOS DO PROJECTO (EN, FI, HU, IT, LT, MT, NL, PT, RO, SI) estão disponíveis para uma visão geral sobre o FAIR.